Buscar
  • ACAA

80% dos benefícios do INSS são calculados de forma errada!

Na hora de fazer o pedido de benefício ao INSS, seja ele qual for, os cálculos corretos destes benefícios, na verdade, são a parte mais importante de tudo. Qualquer número errado, no lugar errado, qualquer distração do analista, qualquer falha pode custar muito e trazer prejuízos para o resto da vida do segurado.

Não é à toa que o INSS é o atual campeão de ações judiciais no Brasil, segundo o CNJ - Conselho Nacional de Justiça. Causas como a falta de servidores, poucas agências e a complexidade do sistema previdenciário brasileiro são algumas, mas existem muitas outras para que os valores dos benefícios requeridos pelos segurados acabem por ser concedidos erradamente.

Mas, não se desespere ainda. Existe remédio para isso. Pois é possível recalcular, refazer, revisar o cálculo de qualquer benefício. E caso seja encontrado algum erro a menor, é possível requerer uma revisão ao INSS. O prazo para fazer isso é de até 10 (dez) anos depois da concessão do benefício na maioria dos casos.

Atenção: além de revisão de cálculos, existem outros tipos de revisão possíveis de serem feitas, e isso será tema de um outro artigo em breve.

É possível fazer uma simulação do seu benefício para saber se há algum erro e se há necessidade de pedido de revisão e também dos valores retroativos.


contato@andrecoelhoadvogados.com.br


0 visualização